Opções de Crédito Disponíveis no Mercado

A palavra crédito é bastante associada a dinheiro, mas, em sua origem, ela tem relação com crença e confiança. Sabe quando alguém diz que “fulano tem crédito comigo” ou “ninguém deu o devido crédito à minha história”? Nesses casos, o termo é usada nesse sentido mais original, se referindo à reputação de alguém ou algo.

Podemos dizer, a partir daí, que a oferta de crédito por bancos e financeiras também funciona como um “voto de confiança”. É claro que essas instituições sempre saem ganhando, mas as linhas de crédito funcionam como um empréstimo e quem empresta precisa crer que o outro irá pagar.

Tipos de Crédito

As instituições financeiras têm diferentes maneiras de oferecer crédito aos seus clientes. Além do empréstimo pessoal, há também os financiamentos e consórcios, além dos cartões de crédito. Vamos entender melhor cada um deles:

Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal é aquele em que a pessoa solicita um valor emprestado, combina uma forma de pagamento e paga juros mensais pelo serviço. Existem linhas em que esse empréstimo vai ficar mais barato, como é o caso do crédito consignado, e outras em que os custos são bem elevados, como o crédito para negativados.

Cheque Especial

Muita gente se confunde e acha que o cheque especial é só um dinheirinho a mais que o banco deixa disponível. Porém, o cheque especial é uma forma de crédito cara e pouco vantajosa. Ao gastar mais que o que tem na conta, o consumidor automaticamente contrata esse serviço e paga juros bem elevados por ele.

Financiamento

Outra forma de crédito comum são os financiamentos. Quando você compra um carro financiado, o que acontece é que o banco ou financeira pagam o automóvel e você precisa quitar as parcelas. Na prática, funciona exatamente como um empréstimo. A diferença é que o próprio bem pode ser usado como garantia.

Cartão de Crédito

De todas as ofertas de crédito, o cartão é o único em que você pode não pagar juros. Nesse produto, as financeiras dão um prazo normalmente de 40 dias para que o cliente use seu crédito sem ter nenhum ônus (exceto pela anuidade). Porém, há o crédito rotativo, que também custa muito caro.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Início
Aplicativo
Login
Contato
Busca
Sem anúncios, sem espera, sem travamentosSEJA PREMIUM